Domingo, 27 de Janeiro de 2008

Entrevista de Janeiro!

Tínhamos prometido em Janeiro de 2008 iniciar o ciclo de entrevistas do mês!

 

Como já tínhamos referido fomos ao Teatro Municipal de Almada, assistimos à peça “Arte da Fuga”, na qual contactámos com uma das bailarinas que se disponibilizou a responder a uma entrevista.

 

Agradecemos desde já à Teresa a sua prontidão em ajudar-nos!

 

Aqui está ela!

 

      Como é que surgiu o gosto pela dança?

 

 - O gosto pela dança foi surgindo conforme fui praticando... Primeiro de uma forma mais lúdica como um passatempo, até se tornar mais séria com a minha formação no Conservatório de Dança Nacional e depois com o trabalho profissional. Foi um interesse que foi crescendo cada vez mais com a minha “entrega” à Dança.

 

      Da tua experiência enquanto estiveste na Companhia de Dança de Almada podes dizer-nos qual a faixa etária predominante? Há muitos jovens na companhia?

 

- É uma Companhia maioritariamente jovem: uma faixa etária entre os 20 e os 30 anos. A profissão de bailarina é uma profissão de desgaste muito rápido e o auge da forma física é, normalmente, aos vinte e muitos, trinta anos.

 

      Relativamente ao público, sentes que é maioritariamente idoso?

 

- Não. Acho que cada vez mais se juntam esforços para que o contacto com a dança e as artes seja feito cada vez mais cedo. Hoje em dia, por exemplo, muitos são os espectáculos feitos especificamente para crianças com um sentido lúdico, mas também pedagógico, tentando fomentar o interesse pelas artes.

 

      Consideras que os espectáculos têm pouca divulgação?

 

- Não é um hábito do público, em geral, ir ver espectáculos de dança. Este facto relaciona-se com a sociedade em que vivemos, já que esta não apoia muito a cultura. Apesar de haver, na minha opinião, bastante divulgação dos espectáculos, é o público que, possivelmente influenciado pela sociedade, que não se sente motivado e interessado em ver espectáculos deste tipo.

 

      O que sugeres para atrair mais os jovens para a dança?

 

- Considero que desde o ensino primário deveria haver uma disciplina de dança educacional na qual as crianças através de diversas experiências e actividades lúdicas pudessem desenvolver, de forma geral, a sua capacidade criativa e despertar a sua sensibilidade e a sua expressão artística e corporal.

 

      Consideras que a Câmara Municipal de Almada tem apoiado a dança?

 

- A Câmara Municipal de Almada tem incentivado as artes com o seu apoio a projectos, companhias, instituições e com a construcção do Teatro Municipal de Almada. O Teatro, pelas óptimas condições e instalações que tem, veio abrir portas para que muitos espectáculos de qualidade, que muitas vezes só eram apresentados em Lisboa, passassem também a ser divulgados no nosso concelho dinamizando culturalmente a cidade de Almada.

 

Sentimo-nos:: Com vontade de ir ao TEATRO!
publicado por almadajovem às 15:40
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De amigos do concelho de Aviz - associação a 28 de Janeiro de 2008 às 17:04
Pode não ter nada a ver com o assunto aqui tratado, mas porque a cultura é um “bem” importantíssimo a defender, convido-vos a participarem nos VI Jogos Florais de Avis, que já são uma referência no panorama cultural português. Sendo uma iniciativa da Amigos do Concelho de Aviz-Associação Cultural, o regulamento está disponível em www.aca.com.sapo.pt
Concorram e boa sorte.
Saudações culturais.
P’la ACA,
Fernando Máximo!

Comentar post

Onde estamos?


Ver mapa maior

Almada Jovem


Sobre nós

Adiciona-nos

. 9 seguidores

Pesquisar neste blog

O que achas do nosso blog?
Muito Bom
Bom
Razoavel
Pouco Criativo
  
pollcode.com free polls

Junho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Posts recentes

O nosso poster!

O fim? Não! Um começo!

Tudo o que fizémos no nos...

Contagem decrescente!

Entrevista - Projecto Eur...

Reflexão - Como será a ci...

Últimos retoques!

Reflexão - "Para haver in...

Colóquio Criativo "Cidada...

Conferência!

Arquivos

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Links